Ronaldo Pereira da Silva (PP) era investigado pelo crime desde a semana passada, quando a polícia apreendeu 13 bovinos sem comprovação de procedência na propriedade dele. Político não quis se manifestar.

Vereador Ronaldo Pereira da Silva é levado pela polícia após ser preso em Hulha Negra — Foto: Divulgação/Polícia Civil
Vereador Ronaldo Pereira da Silva é levado pela polícia após ser preso em Hulha Negra — Foto: Divulgação/Polícia Civil

O vereador Ronaldo Pereira da Silva (PP), de Hulha Negra, foi preso no começo da tarde desta quinta-feira (27) em uma propriedade rural dele no município da Região da Campanha do Rio Grande do Sul. Ele é suspeito de abigeato – roubo de animais no campo.

O político vinha sendo investigado pelo crime desde a semana passada, quando a Polícia Civil apreendeu 13 bovinos sem comprovação de procedência na propriedade dele. Uma pessoa que teve animais roubados em Candiota, na mesma região, reconheceu nove entre os que foram encontrados lá.

Gado na propriedade do vereador foi reconhecido por pessoas que tiveram animais roubados — Foto: Divulgação/Polícia Civil
Gado na propriedade do vereador foi reconhecido por pessoas que tiveram animais roubados — Foto: Divulgação/Polícia Civil

De acordo a polícia, o vereador não tem cadastro como produtor rural na Secretaria de Agricultura, e o gado estava em uma área de assentamento do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), que teria sido adquirida de forma irregular.

Procurado pela reportagem, o vereador não quis se manifestar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui