A casinha de 3m² foi construída no quintal da casa da família em Santos, no litoral de São Paulo. Rafaela não poderia estar mais feliz em poder realizar o sonho da filha Michaella
Arquivo Pessoal
A pequena Michaella Fernandes da Silva, de cinco anos, teve um grande sonho realizado durante a quarentena causada pela pandemia do novo coronavírus. Sua família fez um mutirão e conseguiu construir, em apenas 10 dias, uma ‘casa de bonecas’ gigante para a menina se divertir no quintal da residência onde mora em Santos, no litoral de São aulo.
A mãe de Michaella, Rafaela Cristina Silva, de 32 anos, conta que a ideia surgiu de uma prima, que também é sua vizinha. Ela decidiu construir um espaço para guardar suas coisas e perguntou se Michaella desejava que montassem também a tão sonhada casa de bonecas. Com uma resposta positiva, a família não perdeu tempo e logo começou a recolher o material de construção.
Casinha de bonecas de 3m² foi construída no quintal da casa da família em Santos
Arquivo Pessoal
“Ligamos para a minha mãe e ela deu os blocos, a massa pronta e as telhas. Cada um foi ajudando como podia. Usamos diversos materiais recicláveis e, depois, fomos comprando o que faltava. A casinha tem cerca de 3m² e custou em torno de R$ 500. Para a construção que fizemos, não saiu caro, a casa é bem reforçada e a minha filha vai poder brincar o tempo que quiser”.
Com a ajuda de todos, as obras foram concluídas em tempo recorde. Foram necessários apenas 10 dias para deixar a casinha impecável. Os homens ficaram responsável por colocarem a mão na massa e nos blocos para montarem a estrutura. Já as mulheres cuidaram da finalização, como pintura das paredes e dos móveis, além de arrumarem a decoração. Até a criança ajudou no trabalho.
A pequena Michaella, de 5 anos, ajudou a família a pintar a casa e montar a decoração
Arquivo Pessoal
Sonho realizado
Rafaela revela que a filha pedia muito uma ‘casa de bonecas’ dos sonhos. Mas, na realidade, esse foi um desejo que acabou passando de mãe para filha ao longo dos anos. A jovem segue uma página sobre o assunto nas redes sociais e, por isso, Michaella também acabou ficando entusiasmada e embarcou nesse sonho.
“Sempre que ela via as fotos pedia uma igual. Então, aproveitamos o ‘tempo de sobra’ da quarentena para construir a casa de boneca no quintal. Ela ficou super ansiosa, eufórica e feliz [com o presente]. Está brincando muito e é engraçado vê-la, porque ela cuida, limpa, passa o paninho, guarda os brinquedos e não deixa ninguém entrar com o sapato sujo. Isso dá muita responsabilidade”.
Michaella ficou super ansiosa e eufórica ao saber que ganharia esse grande presente da família
Arquivo Pessoal
A mamãe promete incrementar ainda mais a casinha da filha, que já conta com banquinhos e muitos brinquedos. Agora, o próximo passo é providenciar uma mesa para completar a decoração. O local ficou tão aconchegante e quentinho, que já se tornou o refúgio da pequena para se divertir e se esconder do irmão mais velho.
“Ela sempre gostou muito de brincar de boneca, de amarelinha e pular corda. Então, está toda boba com o presente, nem parece que tenho criança em casa. É bacana que, mesmo com o inverno chegando, ela não precisa ficar trancada dentro de casa, porque a casinha é quentinha. Colocamos um forro e uma manta térmica para esquentar”.
Com a casa pronta, Rafaela resolveu postar a história nas redes sociais para mostrar que a quarentena está rendendo algo bacana. Mas, não esperava a repercussão que o post tomou. “A gente ficou muito feliz de poder proporcionar esse sonho para Michaella. Hoje em dia é tão difícil ter espaço para fazer isso, então ter a oportunidade de construir essa casinha no nosso quintal é incrível”, finaliza.
A casinha de bonecas da Michaella ficou pronta em apenas em 10 dias
Arquivo Pessoal
Michaella é super cuidadosa e não deixa nenhum visitante entrar com sapato sujo na sua casinha
Arquivo Pessoal
A mamãe Rafaela acredita que a casinha tem dado muita responsabilidade para a filha
Arquivo Pessoal

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui