Segundo o Corpo de Bombeiros, as vítimas tinham 63 e 68 anos; corpos deles foram localizados a 5 metros abaixo do solo. Regularidade da mina está sendo averiguada. Buscas por vítimas de desmoronamento contaram com auxílio de retroescavadeira
Corpo de Bombeiros/Divulgação
Dois garimpeiros, de 63 e 68 anos, morreram soterrados nesta quarta-feira (17) após deslizamento de terra em uma mina de pedras preciosas de água marinha, na zona rural de Rubelita (MG).
Segundo o Corpo de Bombeiros, familiares desconfiaram quando os homens não retornaram para casa no horário habitual, por volta de 16h30. A filha de um deles foi até o local onde trabalhavam e percebeu o deslizamento das bordas da mina.
Os trabalhos de buscas começaram na noite dessa quarta e continuaram pela madrugada desta quinta-feira contando com o auxílio de uma retroescavadeira da Prefeitura de Berizal e uma escavadeira hidráulica cedida por uma empresa local. Equipes do Samu, da Polícia Militar e a Defesa Civil deram apoio na ação.
Os corpos foram localizados no início da manhã desta quinta-feira (18) a cerca de 5 metros abaixo do solo. Um deles foi encontrado às 4h e o outro por volta das 6h50.
A perícia da Polícia Civil foi acionada e esteve no local. A regularidade da mina será averiguada e as causas do desmoronamento investigadas.
Veja mais notícias da região em G1 Grande Minas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui