Leitura pode ser caminho para afastar crianças da ansiedade causada pelo isolamento social. A psicopedagoga Denise Façanha diz que algumas estratégias podem direcionar a atenção das crianças para os livros. Pais incentivam crianças a abraçar a leitura durante período de isolamento social
A pilha de livros que a pequena Stela, de 8 anos, já leu durante a quarentena, está quase da altura da menina. Incentivada pelos pais, ela encontrou na leitura um alívio para a ansiedade causada pelo período de distanciamento social devido à pandemia do coronavírus.
Veja serviços afetados pelo coronavírus no Piauí
O que fazer e para onde ir em caso de aparecimento dos sintomas
Acompanhe a evolução da curva epidêmica no estado
Stela já leu mais de 30 livros de março até junho, uma média de 10 por mês. A estratégia dela foi criar um calendário de leitura, onde anota cada livro que devora por semana, e fazer um desafio às amigas.
“Eu pensei em fazer um desafio de livros, porque gosto muito de ler. Eu fui lendo, e também proponho para minhas amigas. Eu acho que elas leram, né?”, disse a menina.
Stela leu mais de 30 livros durante o isolamento social, em Teresina
TV Clube
O pai de Stela, Márcio Mascarenhas, contou que a filha não ficou satisfeita depois de ler todos os livros que tinha e partiu para os do irmão mais velho. “Ela leu todos livros que tinha em casa. E já pegou o de primos, de parentes…” disse.
Segundo o pai, os livros chegaram para ocupar o vazio deixado pela suspensão das aulas presenciais e a ansiedade causada pelo isolamento social. “Decidimos identificar estratégias para que ela ficasse menos tempo nas telas e ocupasse a mente com outro assunto, que não causasse ansiedade”, disse Márcio.
Como levar a leitura para as crianças
A psicopedagoga Denise Façanha criou um espaço de leitura para a filha e a sobrinha na sua casa, em Teresina
TV Clube
É possível estimular as crianças a se envolverem com a literatura durante esta fase? Para a psicopedagoga Denise Façanha, algumas estratégias podem direcionar a atenção das crianças para os livros.
A dica é criar um espaço separado dentro de casa, que seja agradável para as crianças e reúna ali várias opções de leitura. “Uma das coisas que a gente pode pensar é na seleção desses livros considerando a faixa etária”, disse.
A psicopedagoga fez na própria casa um espaço com um tapete de borracha e alguns brinquedinhos no terraço. Lá, ela senta com a filha e a sobrinha e lê para as pequenas, para gerar interesse e também se tornar um exemplo para elas. As meninas aprovaram a ideia.
Decretos determinam distanciamento social
Para evitar a contaminação pelo vírus, o isolamento social e medidas emergenciais foram determinadas por meio de decretos do governo do estado e das prefeituras, como na capital piauiense, para que a população fique em casa e evite ao máximo ir às ruas. Aulas em escolas e universidades, a maioria das atividades comerciais, esportivas e de serviços em geral estão suspensas por tempo indeterminado.
Serviços essenciais como farmácias, postos de combustíveis e supermercados continuam mantidos mas estão regulamentados. O atendimento em clínicas, hospitais e laboratórios, assim como o funcionamento de escritórios de advocacia e contábeis também foram liberados mediante cumprimento de regras.
O uso de máscaras em locais públicos tornou-se obrigatório em todo o estado. Policiais fazem abordagens nas fronteiras do estado a ônibus e veículos particulares. Os decretos preveem que quem descumprir as regras pode ser penalizado com multa ou até prisão.
Prevenção, contágio e sintomas
Lavar as mãos de forma correta (veja vídeo), uso de álcool em gel, sempre usar máscaras, evitar contato pessoal e aglomerações de pessoas são algumas das orientações para evitar o contágio da doença.
Entenda algumas das expressões mais usadas na pandemia da Covid-19
É importante também ficar atento quanto aos principais sintomas (tosse seca, congestão nasal, dores no corpo, diarreia, inflamação na garganta e, nos casos mais graves, febre acima de 37° C e dificuldade para respirar). Um guia ilustrado preparado pelo G1 ajuda a tirar dúvidas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui