Operando desde a década de 80, campos estão a uma distância de 30 km da costa cearense. A Petrobras informou nesta sexta-feira (19) que iniciou processo de venda da totalidade de sua participação nos campos de Atum, Curimã, Espada e Xaréu, em águas rasas na sub-bacia de Mundaú, no Estado do Ceará.
Operando desde a década de 80, o ‘cluster’ petrolífero situa-se a uma distância de 30 km da costa cearense, em lâmina d’água entre 30 e 50 metros, e teve produção média em 2019 de 4,2 mil barris/dia de óleo e 76,9 mil m³/dia de gás, através de nove plataformas fixas.
A Petrobras é a operadora nesses campos, com 100% de participação.
Petrobras tem prejuízo de R$ 48 bilhões no primeiro trimestre de 2020

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui