Supermercados e postos de combustíveis estarão fechados. Além disso, o transporte público foi suspenso nesses dois dias. Comércio de Teresina durante a pandemia da Covid-19
Murilo Lucena/TV Clube
As restrições para o funcionamento das atividades econômicas irão continuar nos dois primeiros fins de semana do mês de agosto, após a assinatura de um decreto pelo prefeito Firmino Filho (PSDB) na segunda-feira (27). Desse modo, supermercados e postos de combustíveis estarão fechados neste sábado (1°) e domingo (2). O transporte público foi suspenso nesses dois dias.
Veja serviços afetados pelo coronavírus no Piauí
O que fazer e para onde ir em caso de aparecimento dos sintomas
Acompanhe a evolução da curva epidêmica no estado
O descumprimento do decreto resultará na aplicação de multas, fechamento total da atividade e cassação de alvará de localização e funcionamento.
Com as medidas mais rigorosas, a prefeitura pretende aumentar os índices de isolamento social e reduzir a disseminação do coronavírus, um dos critérios para avançar na reabertura das atividades comerciais que já está na segunda fase.
As igrejas foram incluídas na lista de serviços autorizados a abrir nos fins de semana. O decreto que permite o funcionamento dos serviços e rituais religiosos foi assinado pelo prefeito na terça-feira (28).
Saiba o que funciona no sábado (1°) e domingo (2):
Farmácias e drogarias;
Serviços de saúde;
Serviços de segurança e vigilância;
Serviços de delivery exclusivamente para alimentação pronta, água e gás de cozinha;
Órgãos e profissionais de comunicação e situações comprovadas de urgências e emergências;
Serviços e rituais religiosos.
Serviços públicos
O decreto municipal determina ainda que os serviços públicos como energia elétrica, saneamento básico, funerários, segurança pública, telecomunicações e radiodifusão, além de estabelecimentos que funcionam operando fornos, em turnos ininterruptos de 24 horas, estão autorizados a funcionar neste período, respeitando as determinações sanitárias para a contenção no novo coronavírus, inclusive, quanto aos atendimentos emergenciais.
Decretos no Piauí de isolamento social
Para evitar a contaminação pelo vírus, o isolamento social e medidas emergenciais foram determinadas por meio de decretos do governo do estado e das prefeituras, como na capital piauiense, para que a população fique em casa e evite ao máximo ir às ruas.
Aulas em escolas e universidades, a maioria das atividades comerciais, esportivas e de serviços em geral estão suspensas por tempo indeterminado.
Serviços essenciais como farmácias, postos de combustíveis e supermercados continuam mantidos mas estão regulamentados. O atendimento em clínicas, hospitais e laboratórios, assim como o funcionamento de escritórios de advocacia e contábeis também foram liberados mediante cumprimento de regras.
O uso de máscaras em locais públicos tornou-se obrigatório em todo o estado. Policiais fazem abordagens nas fronteiras do estado a ônibus e veículos particulares. Os decretos preveem que quem descumprir as regras pode ser penalizado com multa ou até prisão.
Prevenção, contágio e sintomas
Lavar as mãos de forma correta (veja vídeo), uso de álcool em gel, sempre usar máscaras, evitar contato pessoal e aglomerações de pessoas são algumas das orientações para evitar o contágio da doença.
Entenda algumas das expressões mais usadas na pandemia da Covid-19
É importante também ficar atento quanto aos principais sintomas (tosse seca, congestão nasal, dores no corpo, diarreia, inflamação na garganta e, nos casos mais graves, febre acima de 37° C e dificuldade para respirar). Um guia ilustrado preparado pelo G1 ajuda a tirar dúvidas.
Initial plugin text