Entre as dúvidas mais comuns estão os prazos para o documento de 2020 e valores que serão cobrados. CRLV pode ser impresso em casa direto do site do Detran-MG
Gabriel Senna/TV Globo
Com a mudança nos atendimentos por causa da pandemia de Covid-19, o Detran-MG tem recebido muitas dúvidas de motoristas sobre a regularização de veículos e o status do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV). Entre as dúvidas mais comuns estão os prazos para o documento de 2020 e problemas com recebimento do documento.
Segundo Detran, os comprovantes de pagamento não são válidos como documento do veículo. Se o documento físico em papel ou no formato digital não estiverem disponíveis no momento da fiscalização, o agente poderá dispensar o porte, desde que seja possível o acesso ao sistema para consultar e certificar se o veículo está licenciado.
Ainda de acordo com o Detran, a taxa de licenciamento continuará a ser cobrada, já que o valor não está relacionado apenas ao papel moeda, impressão e correios. Os prazos para vistorias e serviços relacionados a veículos, habilitação e infrações estão interrompidos, sendo assim, segundo o departamento, não há prejuízo para quem não conseguir cumprir os prazos. Todos os outros serviços devem ser agendados pelo site.
Passo a passo
Para regulamentar a Carteira Nacional de Habilitação Eletrônica (CNH-E) o condutor deverá primeiramente se cadastrar no site do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran).
Depois acessar a CNH-E
Preencha CPF e a senha cadastrada no site do Denatran;
Valide os dados cadastrais. o interessado poderá escolher validar os dados no aplicativo, no site do Denatran com certificado digital, ou na sede do Detran-MG/Ciretran.
Para validar os dados no aplicativo, informe o cep do endereço do condutor;
Faça a leitura do QR-CODE de sua CNH;
Faça a leitura facial, seguindo as instruções descritas no aplicativo;
Insira o número do telefone celular e clique em “concluir”. A CNH-E será exibida.